Viagens

Férias de inverno: neve com as crianças no Chile

Uma dica para quem está planejando as férias de inverno: que tal levar as crianças para conhecer a neve?

Farellones Chile

Já li em grupos do Facebook algumas mães perguntando se vale à pena viajar com criança pequena para a neve. Antes de decidir ir para o Chile também fiquei encucada. E agora posso responder: sim, sim, sim! Na verdade eu acho que viajar com os filhos sempre vale à pena, independente da idade e do destino (já me aventurei em um vôo de 13 horas para Dubai, com filha de 9 meses e outro com quase 3 anos e foi maravilhoso. Mas isso é assunto para outro post). O que muda é o modo com que a criança vai aproveitar, de acordo com a sua fase. Mas que aproveita, sempre aproveita!

Fomos para o Chile em 2013, para o centro de esqui Farellones, próximo a El Colorado e ao Valle Nevado. Meu filho mais velho tinha 1,8 ano e eu estava grávida da segundinha de quase 3 meses. A estrada que leva até Farellones exige atenção e possui muuuuitas curvas (são 40!!). Sabendo disso, conversei antes com a pediatra, que receitou um remédio para evitar enjoo no meu filho. Eu também tomei um remédio contra enjoo receitado pela obstetra. A estrada também pode estar escorregadia por conta do gelo e algumas vezes é necessário colocar correntes nas rodas dos carros para não escorregar. Por isso descartamos a hipótese de alugar um carro no Chile e irmos por conta própria… é melhor fazer essa viagem com quem tem experiência nesta estrada. Contratamos uma agência especializada nesses passeios, que nos levou de van até Farellones, junto com outros viajantes.

Todas as roupas de neve, como calça, casaco, botas e luvas impermeáveis – inclusive do meu filho – foram alugadas em uma loja em Santiago, antes de pegarmos a estradinha. Essa parada na loja de aluguel de roupas de neve foi proporcionada pela própria agência que nos levou para o passeio.

Chegamos no hotel em Farellones, nos familiarizamos e já fomos conhecer a região. Só um detalhe: para chegar até a estação de esqui, tínhamos que subir mais algumas curvas na estrada à pé mesmo (uns 10 minutos de caminhada). Não sei se de repente outros hotéis oferecem o transporte até lá…Teria nos ajudado bastante (rs).

Na estação em Farellones tem pista de esqui, snowboard, tubing e tirolesa. Só que meu filho não tinha alcançado a altura mínima para entrar, que era 1 metro (ok, já sabíamos dessa restrição) e eu, obviamente, não queria me arriscar a levar um tombo (marcamos a viagem antes de descobrir a minha gravidez). Por isso, o único que usufruiu de fato a estação de esqui foi o meu marido.

Dentro da estação de esqui tem um restaurante com uma vista linda para a pista. Um ambiente super agradável! O único problema é que não era muito baby friendly, pois não havia um trocador quando precisei trocar a fralda do meu pequeno. Espero que isso tenha mudado!

No segundo dia de hospedagem em Farellones a gente acordou, abriu a janela e se deparou com a neve caindo. Só faltava tocar os sinos de Natal para completar a cena hahah (a viagem foi em agosto rs). Meu filho ficou encantado em perceber a mudança da paisagem do dia anterior!

Mas essa neve caindo se transformou em uma nevasca mais forte e por isso poucos se aventuraram nas pistas. Ficamos entocados no hotel neste dia (é um risco que se corre indo para uma região de neve).

No dia seguinte, quando a nevasca parou, o cenário era maravilhoso: fazia um dia lindo, ensolarado e havia neve por toda a parte… era tudo branquinho e fofo!

Fomos para a rua brincar, com direito a fazer boneco de neve, se jogar no chão, e foi delicioso, muito divertido mesmo. Meu filho se jogava na neve fofa, tentava andar, ficava desconfiado daquela textura rs.

No outro dia voltamos para Santiago e continuamos nossa viagem na capital. Resumo da viagem na neve: mesmo não esquiando e com filho bem pequeno, conseguimos curtir bastante! Porém, se o seu objetivo é esquiar, sugiro esperar até a criança atingir a idade/ altura mínima para entrar na estação de esqui, senão vocês podem acabar se frustrando.

Tenho uma irmã de 5 anos que já foi para o Valle Nevado, 13 km distante de Farellones. Com 3 anos ela já conseguiu aproveitar de outra forma: além de brincar na neve, teve aulas de esqui e curtiu o Riglet Park, um espaço projetado para facilitar o aprendizado infantil. Sem dúvida, para crianças maiores existe uma variedade maior de entretenimento! E me parece que o Valle Nevado tem uma estrutura melhor para receber crianças pequenas. A dica que posso deixar foi dada pelo meu pai: apenas tenha os devidos cuidados com o frio. O resto é relaxar e aproveitar!

Mas insisto em dizer que viajar com os filhos vale à pena em qualquer idade e para qualquer destino, desde que os pais sintam-se seguros.

Para as crianças, o fato de estar com a família em uma rotina diferente será sempre uma diversão e uma experiência especial!

Confiram algumas fotos desta viagem:

Primeiro dia em Farellones

Hotel La Cornisa Farellones Farellones Chile

Na estação de esqui:

Farellones Chile Farellones Chile Farellones Chile

Segundo dia em Farellones: a nevasca!Farellones Chile

Farellones Chile

Farellones Chile

Quem se arrisca? É a mesma pista de esqui da foto lá de cima…Farellones Chile

Terceiro dia em Farellones: dia lindo, sol e muita neve fofa. Vamos para a rua brincar!Farellones Chile
Farellones Chile

Passamos mais dois dias em Santiago, e fizemos alguns passeios, como visitar a casa de Pablo Neruda chamada “La Chascona”, o Parque Bicentenario de La Infancia, o Mercado Central (para experimentar os ceviches, claro!) e o centro histórico da cidade.

Nos locomovemos de metrô pela cidade e foi super ok! Ah, em uma das feirinhas que passamos, comprei um casaquinho de lã para o meu filho e foi super útil, pois os casacos de lá são bem grossos, para esquentar mesmo!

Adorei contar para vocês um pouco dessa minha viagem, pois foi uma forma de relembrar em detalhes tudo o que passamos! Viagem em família é sempre muito especial!


Atualização em 12/12/2017:

O complexo Valle Nevado abriu a campanha de reserva antecipada para a temporada de neve 2018, que dá descontos de até 30% nas reservas pagas até o dia 1o de abril. 

17 comentários

  1. Giovanna Oliveira

    Olá! Parabéns pelo post!
    Estou programando exatamente essa viagem em Julho com meus pequenos ( 4 e 2 anos). Você disse que seu filho por não ter altura não pode entrar na pista… o meu mais novo tb não tem… o que isso significa? Ficaremos separados? Conseguimos brincar e ver neve fora da pista?
    Você recomenda algum hotel em Farellones? e por último, vocês foram conhecer outras estações tb?
    Obrigada….
    Giovanna

    1. Cátia Noronha respondeu Giovanna Oliveira

      Oi Giovana! Que bom que gostou do post! Bom, como meu filho não tinha a altura mínima permitida, ele não podia entrar nas pistas da estação de Farellones. Ficamos no restaurante que citei no post enquanto meu marido esquiava. Brincamos na neve sim, no meio da rua, mas só depois da tal nevasca… No dia que chegamos, havia neve apenas na pista de esqui, perto das montanhas. Tive o mesmo medo que o seu, de não conseguir brincar com meu filho na neve, já que eu sabia que ele não entraria na estação de esqui…mas acho que sempre terá um lugarzinho para vocês brincarem na neve! Não visitamos outras estações, ficamos apenas em Farellones… Mas no último dia, a van que nos levou de volta para Santiago foi buscar um visitante em Colorado e vimos que era bem pertinho, deu uns 20 minutos só. Fique tranquila e aproveite, viagem em família é demais! Depois volte aqui e me conte como foi, ok? Bjos e boa viagem!

      1. Giovanna Oliveira respondeu Cátia Noronha

        Oi Cátia!!!
        Obrigada pela resposta.
        Pode deixar que com certeza voltarei para contar:)
        beijos

  2. Marcio

    Olá Cátia! Obrigado pelas dicas!
    Tenho algumas perguntas…
    No final de maio de 2007 fui para Santiago com minha esposa. Subimos até Valle Nevado, porém a estação ainda estava fechada. Mesmo assim havia bastante neve e desfrutamos de paisagens belíssimas.
    Voltarei novamente no final de julho de 2016, agora com a companhia de uma pequena de oito anos. Ficarei hospedado em Providencia e pretendo subir a montanha pelo menos uma vez.
    Qual lugar você recomenda? Estas estações vendem tickets para desfrutar o dia? O objetivo não é esquiar, mas sim apresentar a neve para minha filha e brincar bastante. Dependendo da empolgação dela, talvez repita a subida da montanha por mais uma dia, afinal teremos uma semana em Santiago para desfrutar.
    Obrigado!

    1. Cátia Noronha respondeu Marcio

      Oi Márcio, tudo bem? Olha, eu só fui para Farellones… não subi até o Valle Nevado nem para El Colorado, que são 2 estações próximas. Em Farellones sei que vendem os tickets para entrar na estaçãoas, mas vocês precisam estar com as roupas de neve. E lá tem algumas atrações além do esqui, como o tubing. Boa viagem a aproveitem!!

  3. Diane

    Boa noite Catia…
    Amei Seu post…tudo que queria saber pois estou indo com ninja filha de 1 ano e 11 meses e tunas varias duvidas.
    Só ima pergunta, se acha com facilidade Roupas para neve para aluguel para esta idade?

    1. Cátia Noronha respondeu Diane

      Olá Diane, tudo bem? Que bom que gostou do meu post 😉 Quanto às roupas, fomos em uma loja de aluguel indicada pela equipe do transfer e não tivemos problemas em encontrar. Inclusive acho mais garantido alugar “lá embaixo”, ainda em Santiago, do que deixar para alugar depois que subir a montanha. Achamos tudo: desde roupas, até luvas impermeáveis e bota. Boa viagem e depois me conte como foi!! :))

  4. Andrea Guedes

    Olá Cátia tudo bem?
    Estou programando mais ou menos a mesma viagem para julho deste ano.
    Vocês ficaram 3 dias (2 noites) em Farellones? Achou suficiente? Minha filha tem 5 anos e está doida pra ver a neve.
    Gostou do hotel que ficou?
    Em Santiago ficaram quantos dias?
    Indicaria alguma loja para alugar as roupas?
    Desculpa o bombardeio rsrs estou empolgada e amei seu post!

    1. Cátia Noronha respondeu Andrea Guedes

      Oi Andrea, tudo bem? Imagine, pode perguntar à vontade, fico feliz em ajudar! Olha, eu acho que com 5 anos vai aproveitar muito mais do que com a idade que meu filho foi, que era 1 ano e 8 meses. A altura mínima para brincar nas atividades voltadas para as crianças (o tubing) era de 1 metro. Ficamos 3 dias e achei suficiente. Mas isso porque eu não me arrisquei a esquiar, pois estava bem no comecinho da gravidez da minha segunda filha (planejamos a viagem antes de eu descobrir) e porque meu filho não podia entrar na estação de esqui. Eu gostei bastante do hotel que ficamos, o atendimento foi ótimo, o quarto espaçoso e à noite tinha um jantar delicioso. Em Santiago, contratamos uma agência que nos levou até Farellones de van junto com outros viajantes (pegamos indicação no hotel de Santiago) e no caminho, eles pararam em uma loja credenciada deles para alugar as roupas. Eu já tinha lido uma dica na internet que era melhor alugar as roupas em Santiago mesmo, que não era para deixar para alugar lá em cima. Se quiser mais alguma dica, pode perguntar! Bjos

  5. Marcos Guimaraes

    Ola Catia, parabens pelo post.
    Estou indo com minha esposa e filha em Agosto/17 e gostaria muito de fazer o Tubing com minha pequena, que nessa época terá 1,9 anos.
    É possivel fazer o Tubing ela estando sentada no meu colo? Sabe informar se é permitido?
    Outra dúvida é em relação as roupas (botas, calça impermeável e luvas).. é facil encontrar para criança nessa idade?
    Obrigado

    1. Cátia Noronha respondeu Marcos Guimaraes

      Oi Marcos, tudo bem? Que bom que gostou do post, fico feliz! 😉
      Olha, meu filho tinha na época 1,8 anos e ele sequer pode entrar na estação de esqui. O único lugar que entrei com ele foi no restaurante da estação com vista para a pista 🙁
      Eles foram bem rígidos em relação a altura mínima permitida, que era de 1 metro. Quanto às roupas e acessórios de neve, achamos em uma loja especializada que a agência nos levou, ainda em Santiago. Meu filho não entrou na estação de esqui, mas pudemos brincar bastante na rua, depois que caiu bastante neve. Por isso, as roupas adequadas foram essenciais! Boa viagem e aproveitem!

  6. rosana

    Olá. adorei a matéria! Primeira vez na neve com a familia e muitas duvidas principalmente com as crianças (12 e 7 anos). Qtas camadas de roupa usar? estou comprando segunda pele e por cima usa o que? calca e blusa normal quentinha e depois a roupa impermeável, essa que aluga? É isso?Que tipo de roupa se aluga?

    1. Cátia Noronha respondeu rosana

      Oi Rosana! Que bom que gostou da matéria, fico muito feliz! E que ansiedade boa essa da pré-viagem! :)) Olha, por baixo usávamos camisas térmicas, dessas que se acha em lojas de esportes, tipo Decatlhon. Por cima roupa de frio normal. E na hora de ir para a neve, a roupa impermeável que se aluga por lá. Alugamos calça, casaco, luvas e botas. Importante: tem que usar luvas impermeáveis, não adianta usar luvas normais, pois elas se molham na neve. Bjos e ótima viagem!!

  7. Jéssica Andrine

    Adoreiiii o seu blog.
    Congratulations!!!!!
    Eu estou grávida e estava com muita dúvida de ir ou não. Eu e meu marido planejamos muito (Tb antes de saber q eu estava grávida) e não queria desistir. Continue escrevendo amei suas postagens, fotos lindassss.
    Bjuss 😘😘😘

    1. Cátia Noronha respondeu Jéssica Andrine

      Obrigada Jéssica, adorei ler seu elogio <3 Vou escrever mais sobre viagens sim :)) E depois conte como foi a sua! Bjos

  8. Flavia

    Ola
    Estou indo agora em julho com uma bebe de 1 ano e 3 meses. Como foi sua experiencia rm relacao ao frio? E subir a estacao, em relacao a altitude. Seu filho ficou bem?

    1. Cátia Noronha respondeu Flavia

      Oi Flávia! É beeem frio, levei bastante agasalho. Uma dica boa é usar aquelas roupas térmicas (segunda pele) por baixo… Dá para encontrar em lojas de esportes (eu comprei na Mundo Terra em SP). Quanto à altitude, não notamos nenhuma diferença, meu filho ficou super bem… Boa viagem!

Deixe seu comentário!