Saúde & Alimentação

Como manter a saúde dos filhos na volta às aulas

O ano começou pra valer, as aulas já voltaram com tudo e, muito em breve, o verão vai dar o seu até logo para a chegada do temível outono (o verão termina no dia 20 de março neste ano). As mães já sabem, né… volta às aulas também significa volta às viroses, resfriados, tosses etc. Aqui em casa ambos os filhos já voltaram com febrinha da escola :/

dreamstime_s_2091930

É agora que temos que começar a pegar pesado na prevenção desses resfriados, principalmente nos pequenos que ainda estão na educação infantil, pois o sistema imunológico deles ainda está em processo de desenvolvimento. Estima-se que neste período a criança tenha em média de seis a oito infecções respiratórias por ano e as doenças mais comuns são os resfriados, amigdalites, rinites, sinusites, otites, bronquite, asma e pneumonias. Bate na madeira!!

Doenças respiratórias em ambiente escolar são afecções comuns. Pequenos cuidados por parte da família e da escola, no entanto, podem favorecer a não proliferação destes problemas, por isso precisamos ficar atentos”, alerta o médico Edgard da Veiga Lion Neto do Rinossoro. O especialista deu algumas dicas importantes que podem ajudar bastante, leiam abaixo:

Mantenha a imunidade do seu filho nas alturas
Uma boa alimentação composta por mel, probióticos, frutas cítricas como limão e laranja, ômega 3, verduras e legumes como cenoura e couve, além da hidratação, contribuem para uma imunidade saudável. Em pacientes específicos e com indicação específica, pode-se utilizar agentes que reforçam a imunidade, como imunomoduladores.

Ainda assim a doença respiratória apareceu?
Evite levar a criança que já está infectada para a escola. No entanto, se isso não for possível, comunique a escola sobre a doença do aluno e não descuide dos princípios gerais de cuidados com a criança – hidratação e alimentação. É importante realizar uma boa higiene nasal e manter o calendário de vacinação da criança sempre em dia.

Evite o ar-condicionado nos pequenos
O uso de condicionadores de ar deve ser evitado sempre que possível na exposição de bebês e crianças, pois esses aparelhos retiram a umidade do ar, ressecando muito as mucosas e potencialmente causando complicações para a fisiologia nasal normal. Prefira sempre métodos de alívio da temperatura que mantenham ao máximo a umidade do ar que se respira, como humidificadores a base de água.

Lave bem as mãos e com frequência
Infecções das vias aéreas no período escolar infantil são comuns, principalmente as virais. O contato de crianças portadoras dos agentes infecciosos com outras crianças é quase que inevitável, mas, a educação no sentido de lavar as mãos, não levar os dedos aos olhos ou nariz e não compartilhar utensílios da criança infectada com as outras crianças são medidas que ajudam a prevenir a incidência de transmissão.

Evite crises alérgicas: opte sempre por cortinas e quadros que não acumulem pó
Cortinas de tecidos e quadro negro concentram mais pó do que os produzidos por outros tipos de materiais. Substituir por materiais fáceis de limpar e que concentre menos poeira é uma boa opção. De acordo com o Ministério da Saúde, a rinite é considerada a doença respiratória crônica de maior prevalência, atingindo cerca de 20 a 25% da população em geral.


E por falar em crises alérgicas e pó, tem um post aqui no blog com dicas para lavar e higienizar os bichinhos de pelúcia, muito presentes nos quartos das crianças e verdadeiros antros de pó e ácaros. Vale a pena ler e seguir as dicas em casa! >> “Como Lavar os Bichinhos de Pelúcia

 

Comportamento

Download grátis: pôster de primeiro dia de aula

Para algumas crianças o ano letivo já começou mas, para a maioria, o primeiro dia de aula é na próxima semana!

Considero o primeiro dia de aula muito importante, tanto para as crianças quanto para os adultos (uhuuuuuuuu!!! Hihih brincadeira. Não, não é brincadeira hahaha).

Para marcar essa data, fiz um pôster para imprimir e tirar foto dos pequenos. Façam o mesmo no último dia de aula e terão uma recordação incrível! Lá embaixo vou colocar algumas ideias de fotos de primeiro/ último dia de aula!

Clique na imagem abaixo para abrir o pôster. Depois clique com o botão direito e salve a imagem em seu computador. Podem imprimir no papel A4. No papel couché 300g fica melhor.

Imprima a imagem e tire uma foto do(a) filho(a) segurando o pôster.

Imprima a imagem e tire uma foto do(a) filho(a) segurando o pôster.

Confiram algumas ideias de fotos de primeiro/ último dia de aula. Olhem como fica fofo!! Todas as imagens foram retiradas do Pinterest e estão disponíveis em meu perfil neste link.

Primeiro dia de aula

 

Primeiro dia de aula

 

Primeiro dia de aula

(* post publicado originalmente em 31/01/2016)

Desabafo

Carta de uma mãe: “Me desculpe! Desculpe por ter te julgado”

Esse texto foi escrito pela minha irmã, mãe de uma linda menininha de quase 2 anos de idade. Muita gente está se emocionando com esse texto e tenho certeza que vocês irão se identificar também! Afinal, antes de ser mãe, quem nunca torceu o nariz para a enxurrada de fotos que as outras mães publicavam de suas crias nas redes sociais?

Eu já fui dessas! Dessas que revirava os olhos quando você postava fotos dos filhos, só fotos dos filhos. Era filho brincando, filho andando, filho na festa, filho mandando beijo, selfie com filho fazendo bico, bla bla bla bla!

Acho até que cheguei a parar de seguir algumas de vocês por causa disso. 

As fotos que eu postava? Eram fotos legais. Selfies com os amigos (que você não conhecia), fotos de mais amigos (que você também não conhecia) nos esquentas e nas milhares de festas, fotos da multidão dos festivais, fotos de gente que eu tinha acabado de conhecer e depois nunca mais vi… 

Agora, pensando bem, talvez você não tenha visto nenhuma delas porque geralmente eram postadas quando você já estava no décimo sono ou na vigésima tentativa de fazer seu filho dormir tentando fazer a febre baixar.

Talvez seja por isso que você não tenha deixado de me seguir também. Nem teve tempo. 
Me desculpe! Desculpe por ter te julgado, desculpe por ter revirado meus olhos. Me desculpe por ter sido tão ignorante.

Hoje ‘curto’ fotos dos filhos do fundo do meu coração. Não faço isso por hipocrisia, mas porque hoje sei o quão importante foi aquele momento que seu filho se lambuzou inteiro de chocolate ou a primeira vez que ele subiu no triciclo. Sei o quanto foi difícil conseguir tirar aquela foto dele fantasiado, sei que você deve ter vomitado um arco íris de fofura quando você viu seu filho dançando quadrilha com os amiguinhos. Quando ele abraçou o primo de saudade pois fazia tempo que não o via e você conseguiu fotografar. O caminhão de orgulho que você carregou quando seu filho colocou o uniforme da escolinha pela primeira vez. Imagino que deve cair uma lágrima quando você vê todas essas fotos, mesmo que seja pela milésima vez.

Hoje eu entendo e hoje sou eu que estou aqui chorando litros ao acompanhar minha filha no primeiro dia de escolinha e … postando uma foto dela!!”

Por Luciana Noronha

© Pro777 | Dreamstime.com - Early Education Photo

© Pro777 | Dreamstime.com – Early Education Photo

  • ·Por conta da privacidade, substituí a foto da minha sobrinha por uma outra retirada de uma banco de imagens.